» A Federação » CEAF-AM » Ouvidoria » Regulamento Geral de Competições » Poderes da FAF » Estatuto » Estádios » Presidência » Diretoria » Conselho Fiscal » Notas Oficiais
Campeonato Amazonense Sub-17 2018 Campeonato Amazonense Sub-15 2018 Campeonato Amazonense Sub-19 2018 Copa dos Rios 2018
» Curso de Arbitragem » Escalas de Arbitragem » Relação dos Árbitros
» Composição » Corregedoria » Editais » Portarias » Resoluções » Resultado de Julgamento » Decisões » Punições » Acordãos » Notícias » Atos da Corregedoria » Tabela de Taxas, Custos e Emolumentos » Contato
» Galerias » Vídeos
» Fale Conosco » Fale com o Presidente
» Calendário 2018

NOTÍCIAS
Enviar por e-mail Compartilhar Imprimir

15.05.2018 - 21:40  |  Brasileiro Feminino Série A1 2018

EC Iranduba vence São Francisco-BA e assume a liderança do Grupo 01.

facebook/EC Iranduba da Amazônia

São Francisco-BA 0x3 EC Iranduba.

 

Foi mostrando confiança e superioridade que o E. C. Iranduba da Amazônia entrou em campo no Estádio Junqueira Ayres e ganhou do São Francisco do Conde E. C. por 3 a 0, nesta terça-feira (15), em jogo válido pela quarta rodada do Brasileirão Feminino.

No primeiro tempo, o Iranduba manteve o domínio da bola e fez pressão no time baiano, que que jogava retrancado. Porém, aos 15 minutos o São Francisco levou perigo com atacante Gaby, mas a goleira Mayke se antecipou e salvou o Iranduba. Aos 42 minutos, Giovânia foi derrubada por Jajá dentro da área, Djeni foi para cobrança e marcou o primeiro gol do Iranduba.

 

O segundo tempo começou com o time adversário cansado, e o iranduba dominando as ações do jogo. O técnico Adilson Galdino apostou na troca das jogadoras Gisele por Letícia e Priscila Back por Elisa. Aos 27 minutos, a bola sobrou no pé de Amanda Brunner, que mandou para o gol, aumentando a vantagem do time amazonense, 2 a 0. E o terceiro gol veio aos 40 minutos, Giovânia ajeitou para Djeni que deu um chutaço de fora da área, sacramentando a vitória do Iranduba fora de casa, 3 a 0.

 

Para o técnico Adilson Galdino, a equipe se comportou bem, com uma proposta diferente, com as jogadoras mais a frente. “Fomos felizes, fizemos três gols, apesar do campo ter dificultado muito nosso jogo técnico, as meninas souberam administrar as dificuldades e fizeram três gols e poderiam ter feito mais gols, se não fosse as condições do campo”.

 

Marcando o primeiro gol com a camisa do Iranduba, Amanda Brunner também pontuou as adversidades do jogo. “Foi um jogo difícil, o campo não ajudou muito, mas conseguimos sair com os três pontos, a três jogos eu venho tentando marcar e agora só tenho que agradecer”.

 

Com os dois gols marcados na partida, a capitã Djeni agora soma 24 gols marcados pelo Iranduba, ficando a um gol de se tornar a maior artilheira do clube. O recorde hoje é de Lu que tem 25 gols. Mas para Djeni ser artilheira não é o mais importante. “Eu sempre disse, não importa quem faz os gols, o importante são os três, mas se eu continuar fazendo gol da maneiro como eu estou fazendo, eu não vou ficar nada triste”, afirmou.

 

 

Líder

Com o resultado, o Iranduba agora soma 10 pontos na tabela de classificação na chave A e deixa o Corinthians em segundo com nove pontos.

O próximo jogo será em casa, na Arena da Amazônia, na próxima quarta-feira (23), às 20h (horário local), contra o São José (SP).

 

 

 

Fonte: Cíntia Valadares/assessoria EC Iranduba

 

assessoria/FAF

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Nome:

E-mail:

* Seu e-mail não será publicado

Mensagem:
CURTA A FAF

Av. Constantino Nery, 282 - Centro.

Telefone: (92) 3232-9491

© 2015-2018. Federação Amazonense de Futebol.

Todos os direitos reservados.